Horário de Verão termina neste sábado e programação da Popmix volta à normalidade
15/02/2018 - 1h10 em Notícias

Se você mora nos estados das regiões Centro-Oeste, Sudeste e Sul deverá, à meia-noite desta sábado, 17, para o domingo, 18 de fevereiro, atrasar o relógio em uma hora (60 minutos). Isso, porque o Horário Brasileiro de Verão 2017/2018, em vigor desde 14 de outubro do ano passado, vai terminar.

 

A lógica do horário de verão é que quanto mais distante uma região está da linha do Equador, mais longos são os dias de verão e, com isso, as pessoas e empresas podem aproveitar mais a luz do dia sem ter que recorrer à energia elétrica. É por causa disso que a alteração não vigora nos Estados do Norte e Nordeste.

 

Estudos realizados pelo ONS (Operador Nacional do Sistema Elétrico) mostraram que o consumo de eletricidade pela população atualmente está sendo mais influenciado pela temperatura do período do que pela luz do dia. Uma das principais razões para essa mudança é a popularização dos aparelhos de ar-condicionado. Como o calor é mais intenso no fim da manhã e início da tarde, os picos de consumo são registrados atualmente nesse período. Segundo a ONS, o horário de ponta ocorre entre 14h e 15h, e não mais entre 17h e 20h.

 

Os moradores do Distrito Federal e mais 10 estados,  todos das regiões Sul, Sudeste e Centro-Oeste terão que atrasar os relógios em uma hora. Com isso, o horário no leste do Amazonas e nos estados de Roraima e Rondônia ficam apenas uma hora atrás do horário de Brasília, e o oeste do Amazonas e Acre ficam duas horas a menos que o horário da capital brasileira. Os demais estados do Norte e Nordeste – que não aderem ao horário de verão – voltam a ter o mesmo horário de Brasília.

 

A justificativa para adoção da medida  é o aproveitamento maior da luz solar durante o verão. No ano passado, o governo federal estudou acabar com o horário devido a redução na economia de energia nos últimos anos, mas decidiu manter a prática. Em 2013, o país economizou R$ 405 milhões com o horário de verão segundo a ONS, a Operadora Nacional do Sistema Elétrico. Três anos depois, em 2016, o valor economizado baixou 63% e foi de 147 milhões. A ONS argumenta que há uma mudança no hábito de consumo das pessoas, que estão usando mais energia no meio da tarde por causa do calor, o que diminui a economia no início da noite com o aproveitamento da luz solar.

 

DURAÇÃO REDUZIDA - Mesmo mantendo o horário de verão, o governo editou um decreto para reduzir em duas semanas o próximo período do horário, atendendo a um pedido da Justiça eleitoral. A próxima vez que o Horário Brasileiro de Verão entrar em vigor, ou seja, no segundo semestre deste ano, os relógios vão ser alterados apenas depois do segundo turno das eleições, ou seja, no primeiro domingo, dia 4 de novembro.

 

Segundo o Tribunal Superior Eleitoral (TSE), o adiamento do horário de verão vai facilitar a apuração dos votos, diminuindo a diferença entre o fim do pleito no Acre e nas regiões que seguem o horário de Brasília.

 

 

HISTÓRIA - A primeira vez em que o horário de verão foi praticado aqui no Brasil aconteceu durante o governo do presidente Getúlio Vargas, no período de 3 de outubro de 1931 a 31 de março de 1932. Desde então, o Horário Brasileiro de Verão vem sendo adotado continuadamente no Brasil desde 1985. Há nove anos, um decreto assinado pelo então presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) definiu datas e horários para os futuros períodos do horário de verão no país.

 

No Governo Lula ficou estabelecido que a mudança deveria ocorrer todos os anos a partir da meia-noite do terceiro domingo de outubro, até à meia-noite do terceiro domingo de fevereiro do ano seguinte, exceto quando houver coincidência entre o domingo previsto para o término do horário de verão e o domingo de Carnaval. Nesse caso, o encerramento do período acontece no domingo seguinte.

 

A ideia de adotar um horário de verão remonta ao século 18. O primeiro a falar sobre esta "brilhante ideia" foi inventor norte-americano Benjamin Franklin, mundialmente conhecido por ser o inventor do para-raios, quando ainda não havia luz elétrica. Mas a ideia dele não foi aceita pelo governo dos Estados Unidos.

 

A história mundial conta que a aplicação, de fato, do horário de verão aconteceu pela primeira vez em 1916, na Alemanha. Naquele ano, o antigo Império Alemão estava envolvido na Primeira Guerra Mundial e sofria com um severo bloqueio naval imposto pelo Reino Unido, que resultou no corte das importações de petróleo e parafina (usada na fabricação de velas). A argumentação para colocar a medida em prática era economizar energia.

 

Assim, naquele ano, os relógios foram adiantados às 23 horas do dia 30 de abril de 1916, um domingo, permanecendo até o dia 1º de outubro do mesmo ano. No mesmo dia, o antigo Império Austro-húngaro, aliado da Alemanha, seguiu o exemplo e adiantou os relógios. Logo depois, foi a vez da Romênia, da França, do Reino Unido e, mais tarde, dos Estados Unidos da América.

 

POPMIX RÁDIOWEB - Enquanto durou o atual Horário Brasileiro de Verão 2017/2018, a programação diária da PopMix RádioWeb, que você ouve em tempo real também no nosso portal de notícias e conteúdo de entretenimento, o Portal Rede Pop, seguiu o novo horário, tendo adiantado, em uma hora, o horário de início de cada programa; pois a sede da PopMix fica no Estado de Goiás, no Centro-Oeste do país e, obviamente, segue a Hora Oficial do Brasil, também conhecida como Hora de Brasília-DF.

 

Neste sábado, 17 de fevereiro de 2018, com o fim do Horário Brasileiro de Verão 2017/2018, a programação diária da PopMix RádioWeb voltará ao horário normal, ou seja, o início de todos os programas voltará ao tradicional Horário Oficial do Brasil (Hora de Brasília-DF), sendo atrasado em uma hora. Assim sendo, se você mora nos Estados onde está vigorando o atual Horário de Verão, não deixe de atrasar seu relógio em uma hora. Assim, não vai perder o horário de cada programa que integra a programação pop e top da nossa PopMix RádioWeb.

 Terry Marcos Dourado, da redação da PopMix RádioWeb e Portal Rede Pop.

COMENTÁRIOS
Comentário enviado com sucesso!
PUBLICIDADE